quarta-feira, 26 de novembro de 2008

Novo, de novo.

Depois de algum tempo sumido, resolví aparecer no mundo blog/flog/orkut.
Desde a última vez que postei aqui muita coisa mudou. Muito ganhei, algo perdí e muito aprendí.

Agora estou me preparando pra começar um ano novo. Sim, pois esse ano já posso considerar fechado. O período de feriados de dezembro pra mim é considerado algo a parte, tipo um espaço entre um ano e outro que vai até o carnaval. E daqui até esse período é um pulinho.

Casa nova, emprego novo, hábitos novos e pessoas novas. Eu conseguí, depois de um período bastante bagunçado da minha vida, recomeçar com tudo renovado.
Sinto que reencontrei aquele eu que andei procurando, sinto que era necessário passar o que passei pra poder encontrar esse eu.

Esse eu é um cara alegre, disposto, e mais sociável. Esse eu esteve perdido no espaço-tempo desde o dia em que me formei na escola e deixei de ver aqueles amigos de sempre todos os dias.
Esse eu é o cara que constrói pedais de guitarra, amplificadores caseiros, que vai de bicicleta pra praia, que nunca diz não saber algo mas diz que aínda vai aprender.

Sinceramente, eu prefiro esse eu mesmo!


Abraço a todos

3 comentários:

Letícia disse...

Aeeee!
É sempre bom renovar. Diria até que é 'fundamental'.
Como é bom te ver assim, de bem com a vida!
:D
Te adoroo xuxu!
;*

Cacau disse...

Kotoko! Tu é brodi, e quando tu ta feliz eu tambem tou.. espero q esse momento bom da tua vida so melhore e nunca acabe! To com saudade de ti, tu sabe que eu te considero como poucos.. Brigadão pela tua amizade! E ve se nunca muda esse teu jeito parceria e amigavel q nunca deixa ninguem na mao. Abraço!

thiagoks disse...

poisé, rapá!

eu acho realmente chato, pois parece clichê barato, dizer que entendo o que tu descreveu. mas realmente, em boa parte, eu entendo. e mais. posso dizer que também vivi isso, com a diferença de que essa fase ainda não acabou completamente pra mim - e começou antes do final de 2005.

mas vamos tentando. apesar do mundo se mostrar uma coisa sem sentido e sem objetivos "certos"...